Informativo Junho e Julho de 2021

11/06/2021: 80°- Aniversário de fundação da AMERJ

TUDO É AMOR

Vida- É o Amor existencial.
Razão- É o Amor que pondera.
Estudo- É o Amor que analisa.
Ciência- É o Amor que investiga.
Filosofia- É o Amor que pensa.
Religião- É o Amor que busca Deus.
Verdade- É o Amor que se eterniza.
Ideal- É o Amor que se eleva.
- É o Amor que se transcende.
Esperança- É o Amor que sonha.
Caridade- É o Amor que auxilia.
Fraternidade- É o Amor que se expande.
Sacrifício- É o Amor que se esforça.
Renúncia -É o Amor que se depura.
Simpatia- É o Amor que sorri.
Altruísmo- É o Amor que se engrandece.
Trabalho- É o Amor que constrói.
Indiferença- É o Amor que se esconde.
Desespero- É o Amor que se desgoverna.
Paixão- É o Amor que se desequilibra.
Ciúme- É o Amor que se desvaira.
Egoísmo- É o Amor que se animaliza.
Orgulho- É o Amor que enlouquece.
Sensualismo- É o Amor que se envenena.
Vaidade- É o Amor que se embriaga.
Finalmente, o ódio que julgas ser a antítese do Amor, não é senão o próprio Amor que adoeceu gravemente.

Chico Xavier

PENSAMENTO DO MÊS

“À compreensão da vida a cada momento, tal como ela é; no mundo do relacionamento entre pais, filhos, parentes, vizinhos e na sociedade, é a verdadeira oração, é a paz, é uma religião, é o verdadeiro amor e, é o começo da sabedoria, a fim de conservar a saúde da mente e do corpo.” Emmanuel

PÉROLAS DE SABEDORIA

  • Fé inabalável é somente aquela que pode encarar a razão face a face, em Portanto, a fé robusta dá a perseverança, a energia e os recursos  com que vençamos os obstáculos nas pequenas e grandes coisas;

  • A esperança e a caridade são uma consequência da fé. ALLAN KARDEC

AMIZADE

Ergueste-me na caminhada...
- Deste-me guarida no afeto santo
do teu coração...
- Advertiste-me fraternalmente nas
passadas equívocas...
- Acompanhaste-me nas sombrias noites
da desesperação...
- Choraste e abraçaste-me quando, alucinado
entrevi a desesperança e o teu testemunho
de solidariedade foi-me a confirmação da
presença divina socorrendo-me nas lágrimas
- Não descuraste do pão à minha mesa...
- Não relegaste o meu coração à solidão
fria das longas horas da doença indomável...
- Jamais perdeste a oportunidade do conselho
amigo, intentando dirigir-me à ação nobre...
- Por tudo isto te sou grato...
O interlocutor, ante o desvelar de tanta
afeição e reconhecimento,asseverou:
- Para mim, isto nenhum esforço representou
amigo, desde quando, expressa o carinho do
meu coração pela tua existência. E, em nome
deste sentimento, digo-te que o meu silêncio
é a melhor resposta às tuas efusões...
- Sim, bem sei. É por isto que Deus te
colocou na Terra para alentar o caminho
dos homens, sacramentando-te com o sublime
nome de Amizade...

Meimei

LEMBRANÇA DE AMIGO

Não acredites em facilidades.

Muitas aflições nos fustigam o espírito, diante de nossos próprios caprichos desatendidos.

Não aguardes dinheiro farto ou mesmo excessivo para que te sinta feliz.

Agradece aos Céus a possibilidade de trabalhar, porquanto o trabalho te garantirá a subsistência e a subsistência daqueles corações que te fazem queridos.

Não esperes a felicidade para que possas realizar os próprios desejos.

A saciedade talvez seja a véspera da penúria, cujas provações possivelmente não conseguirão resistir.

Não creias que uma personalidade humana, colocada nos píncaros do poder, disponha de recursos para solucionar todos os problemas que te enxameiam a existência.

É provável que essa pessoa, merecidamente importante, esteja carregando um fardo de tribulações mais pesado do que o teu.

Se pretenderes viver fora das inquietações do cotidiano, não exijas do outro aquilo que os outros ainda não possuem para dar.

Se quiseres viver nas alegrias da consciência tranquila, auxilia ao próximo o quanto puderes, trabalha sempre e confia em DEUS.

Emmanuel

UM NOVO SÉCULO DE LUZ

Ah! Eu queria tanto, como eu queria
Que a natureza continuasse
Vertendo Amor por toda a Terra
Fazendo dos campos verdejantes um tapete de cores
Onde a criança caminhasse entre flores
Sem temores...

Ah! Eu queria tanto, como eu queria
Que em cada favela, em cada vila
Todas as crianças tivessem guarida
No coração do homem...
Operário ou empresário
Para nele encontrar...
Nem que fosse um cantinho
Para falar de seus sonhos
Que eles não são quimera
Que alguém pode fazer dele
Eterna primavera...

Ah! Eu queria tanto, como eu queria
Que ninguém chorasse mais a partida...
Do filho querido que a morte levou.
Que descobrisse no Evangelho...
Que um lugar existe.
É um mundo tão belo!
Nos braços ternos de alguém...
É recebido ele...
Com anelo!

Ah! Eu queria tanto, como eu queria
Que o Século vinte e um...
Fosse o século de luz.
Que todos nele se iluminassem
Para que o Amor...
Em todos despertasse...

Ah! Eu queria tanto, como eu queria
Que todos vivessem em paz.
E na Terra toda.
Esta paz reinaria...
Demonstrando a você, irmão...
Que é também capaz...
De construir o século de luz,
Vivendo realmente...
O grande amor de Jesus.
Ah! Como eu queria...  MEIMEI

GOTAS DE ORVALHO

  • “Ter muitos amigos é não ter nenhum. Nunca existiu uma grande inteligência sem uma veia de loucura. O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete.” Aristóteles

  • “Não espere por uma crise para descobrir o que é importante em sua vida.”  Platão

  • “A medida do amor é amar sem medida.” Santo Agostinho

  • “Geralmente aqueles que sabem pouco falam muito e aqueles que sabem muito falam pouco.” Jean-Jacques Rousseau

AVISOS

Caros irmãos, dado às obras que a Associação precisa realizar para melhor acolher aqueles que a procuram, algumas pessoas têm-nos abordado no sentido de colaborar com a Casa auxiliando nas despesas desta Instituição; assim orientamos a todos aqueles que se disponham a tal, somente o façam através dos responsáveis pela Casa e procurem nossa Secretaria. Saibam que a Associação é uma Instituição sem fins lucrativos e que toda a assistência por ela prestada é absolutamente gratuita. Aos senhores médiuns (efetivos) e conselheiros, informamos que deverão procurar a Secretaria para atualizar seus cadastros e tomar ciência das obras que se pretende, pois são para benefício de todos e manutenção do Patrimônio legado pelos fundadores.